Rio + 20

Parece que a primeira conclusão sobre a Rio + 20 é que o predomínio dos radicais alarmistas terminou de vez. Antes um reduto de ONGs e políticos interessados no voto verde, essa conferência mostra que o racionalismo ganhou finalmente espaço na discussão, o que naturalmente revoltou os ecochatos. Mais setores da sociedade passaram a participar como o agronegócio e a indústria, e fica cada vez mais claro que a preservação do meio ambiente deve ser feita em bases racionais, levando em conta as necessidades da população e não os sonhos utópicos que podem ser resumidos no filme Avatar, aquela baboseira filmada por James Cameron. Quem quiser que vá abraças árvores e exaltar o panteísmo na mãe natureza, mas não queiram obrigar o resto do mundo a seguir essa pseudo-religião.

Sim, o meio ambiente deve ser preservado e protegido, mas tudo tem limites. Há algum tempo que venho dizendo que o alarmismo de gente como Al Gore no longo prazo iria contribuir para o descrédito de uma boa causa. Já argumentaram comigo que se não fosse assim, ninguém nunca faria nada. Qualquer causa que precisa de contar mentiras para convencer alguém está com problemas em sua própria natureza. É possível sempre avançar através do entendimento e da compreensão dos problemas reais, e se observarmos bem isso tem sido feito. Não há como comparar a consciência ecológica das pessoas hoje com a de vinte anos atrás. Ao contrário do que os xiitas do ambientalismo gostam de cantar, isso acontece apesar da pregação deles e não por causa deles.

A Rio + 20 serve também para mostrar os absurdos de parte desses ecochatos com suas ONGs, só de nome claro, que se mostram como um verdadeiro circo ambulante. Basta olhar as fotos das figuras que andam pelo Rio de Janeiro, cada coisa medonha.

A gritaria dessa gente só mostra que finalmente a razão está triunfando. Para o bem do próprio planeta.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s