Era uma vez… Grimm

Interessante como as coisas acontecem.

Fazem duas semanas que comecei a me interessar por ópera.  Depois de A Flauta Mágica, estou com Carmen, de Bizet, engatilhada para assistir no DVD. Minhas filhas já se encantaram com algumas árias da Flauta, especialmente a da Rainha da Noite e o dueto de Papageno e Papagena. Ontem a menor alugou o irmão, escutando alternadamente estas duas árias. Segundo ele, mais um pouco e sai falando alemão.

E por que me interessei pela Flauta Mágica? Como expliquei antes, foi uma associação de coisas a partir do livro O Lobo da Estepe, de Hermann Hess. Lá o personagem conversa com Mozart em pessoa. No dia que terminei o livro, um CD do compositor aparece na minha frente. No CD, fragmentos da Flauta Mágica. Depois foi só seguir as “dicas” dessa coincidência cultural.

Mas a coisa não termina por aí. Ontem, dia das crianças, teve uma peça infantil gratuita sobre os Irmãos Grimm no CCBB. Sem muitas pretensões, e sem saber nada da peça, levamos as meninas para assistir.

Pois não é que o espetáculo era uma opereta? Com direito a uma pequena orquestra de 6 músicos e 4 cantores afiadíssimos. O resultado foi simplesmente maravilhoso. Como disse minha esposa, o espetáculo infantil mais lindo que já tinha visto. Tudo funciona muito bem nessa inspirada peça de autoria do maestro Tim Rescala. Todos que participam do espetáculo estão de parabéns, se o objetivo de um artista é encantar o público, conseguiram com louvores.

Sim, existe cultura e talento no Brasil, soterrado no meio de um lixo sem fim, mas eventualmente recebemos essa brisa que nos acalenta, que nos faz ter esperanças. Lembra-nos que o Brasil é muito mais do que essa porcariada que vemos na mídia todos os dias. E que temos que ter orgulho também da nossas raízes européias, tão dilapidadas pelos nossos sociólogos do miolo mole.

Salve a boa música! Salve os artistas que permanecem para sempre.

Obrigado Mozart e a turma do espetáculo dos irmãos Grimm. Minha dívida com vocês é impagável!

Era uma vez Grimm
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s