Uma pergunta sobre a ditadura militar

Estava refletindo ontem sobre a chamada ditadura militar. Em muitos aspectos ela foi muito estranha, tão estranha que se deveria seriamente perguntar se o termo ditadura está correto para o regime que vigorou no Brasil de 1964 a 1985.

Se a ditadura era tão ruim assim, por que nunca foi preciso fechar as fronteiras do país? Por que os militares nunca impediram que os brasileiros descontentes fossem embora? Ao contrário, criaram a expressão Brasil, ame-o ou deixe-o.

Os dissidentes em Cuba  terminam no paredón ou morrem tentando fugir da ilha, junto com milhares de cubanos. Preferem enfrentar os tubarões ao tirano Fidel.

Os nossos dissidentes foram exilados pelo regime na Europa. E tentaram desesperadamente voltar! Não é curioso?

O homem comum jamais pensou em se mandar, pelo contrário, tocava sua vida normalmente. Os revoltados, trataram de protestar mas na verdade estavam cuidando de sua poupança futura. Alguns pegaram em armas, praticaram atos terroristas. Hoje recebem indenizações do estado e muitos ainda ocupam cargos públicos _ muitos deles no alto, e coloca alto nisso __ escalão da burocracia brasileira.

Uma vez perguntei a um senhor que viveu na época como era de fato a repressão do regime.

A resposta foi lacônica:

_ Não sei. Estava ocupado trabalhando.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s