Mais uma palavra sobre o caso Jefferson

Mais uma palavra sobre o jogo Botafogo e Flamengo.

20130308-100330.jpg

Acho a dimensão que o caso do cabelo do goleiro Jefferson do Botafogo tomou um evidente exagero. Nunca gostei muito daquelas camisetas com mensagens sobre Jesus, parecia-me uma espécie de banalização da religião, mas sempre lembrei do espírito de tolerância. Agora um peixe na cabeça?

Façam-me o favor! Grande parte das pessoas, inclusive os cristãos, não sabem da importância e significado deste símbolo. E mesmo para os que sabem, é bem mais discreto que uma camiseta diante das câmeras na hora do gol. E se fosse uma tatuagem? Jefferson teria que removê-la? Tampá-la com esparadrapo? E aqueles jogadores que possuem aquelas tatuagens de braço inteiro? Jogar de camisas de manga cumprida? E se fosse uma imagem de um fascínora como Che Quevara? Pode?

Acho razoável que se coibam os excessos, mas daí ao radicalismo há uma grande distância. O cristianismo parece ser a única religião do mundo que consegue ser combatida em um país onde é a fé da maioria de uma população! O que já diz muito sobre ele, não é verdade?

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s